segunda-feira, 21 de junho de 2010

Lil Wayne faz acordo para não passar mais tempo na cadeia

Lil Wayne faz acordo para não passar mais tempo na cadeia

Lil Wayne provavelmente não irá mais ficar atrás das grades em Arizona assim que ele sair da cadeia de Nova York. Após seu advogado entrar com um pedido para a Suprema Corte de Yuma Country.

Durante uma pequena mudança em seu depoimento, onde ele aparecia por vídeo da cadeia de Nova York, Dwayne Carter confessou-se culpado por ter portado uma quantidade ilegal de drogas e porte ilegal de arma.

A acusação pelo porte ilegal de arma e drogas, veio em 22 de Janeiro de 2008, em um incidente durante uma turnê do Weezy. Seu ônibus foi parado em uma blitz nos Estados Unidos, na fronteira de Border Patrol próximo a Dateland, 78 milhas ao leste de Yuma, onde autoridades disseram ter encontrado cocaína, êxtase e um revólver dentro do ônibus do Lil Wayne.

Os agentes da Drug Enforcement Administration encontraram aproximadamente 4 quilos de maconha, pouco menos de um quilo de cocaína, 41 gramas de êxtase e várias seringas para injeção de droga. Logo os agentes prenderam Tunechi em flagrante.

Os agentes ainda encontraram uma pistola calibre 40 registrada no nome do Lil Wayne, que tinha permissão de armas de fogo apenas para o estado da Flórida.

Weezy atualmente serve 8 meses de prisão na cadeia de Nova York pelos crimes de Janeiro de 2008, em que admitiu ter uma arma de calibre 40 em seu ônibus. Tunechi começou a cumprir sua sentença em Março.

Então, Lil Wayne, por ter confessado estes crimes não irá ficar atrás das grades pelos crimes que cometeu.

O juiz do caso de Lil Wayne irá fazer sua sentença no dia 30 de Junho de 2010 ás 8:15 da manhã.